Pense em um livro que consegue mesclar dois universos muito distintos. Agora pense que esses universos são justamente os romances de época de Jane Austen e os mistérios de Agatha Christie. Conseguiu imaginar? Meia-noite na Austenlândia é isso! Quando li a sinopse do livro, só fui capaz de pensar uma coisa: isso deve ser incrível. Shannon Hale criou um mundo, um lugar, que todo o leitor (e até mesmo não-leitor) sentirá vontade de visitar tanto nas páginas, quanto fora delas. 

Charlotte Kinder ainda está tentando se recuperar de seu divórcio e se acostumar com sua nova vida. Cansada de comparecer a encontros arranjados por suas colegas com homens desconhecidos, ela decide parar com isso e realizar algum dos desejos que cultivou para realizar até determinada idade. Isso inclui ler Jane Austen. Até aí, tudo bem. Mas como todo leitor sabe, não é difícil largar um livro quando o mesmo é bom. Charlotte se viu imersa no mundo de Austen e acaba indo tirar as férias em Austenlândia, um lugar que reproduz todo o universo contido nos livros de Jane Austen. 

Meia-noite na Austenlândia é um chick-lit que não peca se tratando deste gênero. Apesar de abordar um mistério que se desenvolve conforme o livro vai evoluindo, o mesmo não é tão grande a ponto de tirar o título de chick-lit deste livro. O ar pertencente aos livros de Austen, que acaba sendo reproduzido de alguma forma em Austenlândia, torna todo o clima romântico muito melhor. E mais animado! Principalmente para uma Charlotte cheia de duvidas. A personagem é tão real (e eu adoro personagens que posso identificar em meu cotidiano) que me vi torcendo por ela, para que conseguisse logo se reerguer após o divórcio. Venhamos e convenhamos que Austenlândia é um ótimo lugar para isso. Charlotte não é a única personagem interessante, todos são, cada um com o seu jeito é capaz de envolver o leitor e puxá-lo para mais próximo da trama. 

O mistério não conseguiu me despertar tanto interesse. Não li muitos livros de Agatha Christie, mas se Shannon Hale conseguiu reproduzir muito bem o universo romântico e de época de Austen, escorregou ao tentar inserir um mistério alá Agatha Christie. A questão é que eu realmente queria um mistério no livro e isso acabou me deixando um tanto decepcionada. Existe um mistério na história. Sim, realmente existe, porém, este me pareceu muito forçado e não foi capaz de me convencer. 

A narrativa do livro é simples, dessas que se lê com tamanha facilidade que quando vemos, já estamos na última página. O livro não enche seu leitor de informações a cada parágrafo, o que pode alegrar a muitos. 

Meia-noite na Austenlândia é, como disse, um chick-lit que não peca. E se você curte chick-lit, está esperando o que para colocar este livro na lista? 

Título: Meia-noite na Austenlândia
Autor: Shannon Hale
Número de páginas: 319
Editora: Grupo Editorial Record
Nota do Como Devorar Livros: 3/5

4 Comentários

  1. Gostei muito das comparações e sua resenha me deixou com curiosidade de ler o livro.

    http://armazemdochef.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ah, que capa linda! Adorei a história do livro, vou ver se acho nas livrarias ^^
    Pelo menos jea estou preparada para esperar mais romance que mistério, assim não vou me decepcionar ;P
    Bjoos

    http://casteloanimado.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é linda, não é? Eu acho que a do livro anterior, Austenlândia, é ainda mais linda! O livro é novo, você não deve encontrar com muita dificuldade. :D

      Excluir